Peixinhos da horta estaladiços # Crispy peixinhos da horta ( fish from the kitchen garden)


Algumas receitas são intemporais. São parte de quem somos, da nossa cultura e memória desde sempre e isso basta.
Quando eu era miúda, cada Primavera trazia a promessa de uma leva de feijão verde, criado na pequena horta da minha avó, onde haviam também um velho pessegueiro e uma cerejeira.
Lembro-me desses dias quentes de Primavera. De chegar da escola e ter à minha espera uma taça de fruta da época mergulhada em água fria ou então um gelado que eu comida sentada à sombra das árvores.
Eram dias cândidos, cheios de simplicidade e ainda assim farão para sempre parte das minhas melhores recordações.

Continuo a fazer os peixinhos da horta como ela fazia, embora tenha aprendido entretanto que usar água e ovos frios os tornam mais estaladiços.
Com umas gotas de sumo de limão e um pouco de maionese de alho ou aioli são ainda melhores!

Entretanto aqui fica a entrevista que dei à Sapo Sabores. Obrigada!

In English
Some recipes are timeless. Are part of who we are, of our culture and memory since always and that is enough.
When I was a little girl, each Spring brought the promisse of a batch of green beans, grown in my grandmother´s small kitchen garden where there was also an old peach tree and a cherry tree.
I still remember those hot Spring days. Of arriving from school and have waiting for me a bowl filled with the fruits of the season immersed in cold water or an ice cream, that I would eat under the trees shade.
Those were candid days filled with simplicity and yet they will forever be part of my best memories.

I still cook the peixinhos da horta just like she did, although I´ve learned in the meantime that using cold water and eggs makes them extra crispy.
They are even better with a few drops of lemon juice and a bit of garlic mayo or aioli!

  • Ingredientes:
    150 g de feijão verde cozido em água e sal
    140 g de farinha de trigo sem fermento
    220 ml de água bem fria
    2 ovos frios, batidos
    Sal a gosto
    Pimenta preta a gosto
    Óleo vegetal para fritar

    Preparação:
    Usar água e ovos frios vai fazer com que depois de fritos os peixinhos da horta fiquem mais estaladiços e deliciosos.
  • *Misture a farinha com a água aos poucos para que a msitura com fique com grumos.
    *Junte os ovos batidos, sal e pimenta preta a gosto e mexa bem para ligar.
    *Deixe o polme descansar um pouco e entretanto coloque uma sertã com bastante óleo ao lume para aquecer.
    *Quando o óleo estiver bem quente, comece a mergulhar o feijão verde cozido no polme, um a um e vá mergulahndo no óleo quente.
    *Deixe alourar, cerca de 1, 2 minutos até alourar e vire para fritar do outro lado.
    *Conforme for tirando os peixinhos da sertã coloque-os num prato com papel absorvente para tirar o excesso de óleo.
    *Sirva acabados de fritar. Se gostar pode salpicar com sumo de limão e servir com aioli ou maionese de alho.
  • Ingredients:
    150 g of  green beans boiled in salty water
    140 g wheat flour
    220 ml cold water
    2 cold eggs, beaten
    Salt to taste
    Black pepper to taste
    Vegetable oil to fry

    Preparation:
    Using cold water and eggs will make the peixinhos da horta (fish from the kitchen garden) extra crispy an delicious once they are fried.
  • *Mix the flour with the water little by little so the batter stays smooths with no lumps.
    *Add the eggs, salt and black pepper and mix to combine.
    *Let the batter rest a bit and in the meantime put a frying pan on the heat with plenty of vegetable oil.
    *Once the oil is hot, start to dip the green beans into the batter, one by one and and fry for about 1, 2 minutes until golden brown, turn them over and fry on the other side.
    *Place the peixinhos da horta on a plate with kitchen paper to drain the excess oil.
    *Serve at once. They are great with a few drops of lemon juice and some aioli.

4 thoughts on “Peixinhos da horta estaladiços # Crispy peixinhos da horta ( fish from the kitchen garden)

  1. Adoro peixinhos da horta Mónica!
    É daquelas receitas intemporais, das nossas avós.
    A minha faz de maneira diferente mas também adoro a simplicidade com que os prepara, com o feijão verde da horta, os ovos caseiros e as suas mãos.
    Adoro as fotos. Um beijinho.

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s