Doce de pêssego com canela e erva doce # Peach jam with cinnamon and ground dill seeds

 

Há uma certa quietude nos finais de tarde que me apazigua. Ainda mais agora que a luz do Outono já vai amainando aos poucos o fulgor da estação dourada. E é por isso que acho que é altura de fazer um balanço e dizer que o Verão foi bom para mim. Trabalhei muito – e tenho muito mais pela frente – mas ainda assim consegui voltar aos meus lugares de sempre, no Norte e no Sul. Tempo mais que preciso e desejado com os meus mais que tudo. Pelo meio ficaram  mergulhos salgados, montes verdes galgados, a saborosa maciez das amoras maduras, o perfume intenso das ervas e flores dos caminhos e a abundância de frutos e vegetais que entretanto foi chegando cá a casa.

Por agora colhem-se os últimos pêssegos. Maduros e firmes. Perfeitos para um doce imbuído com canela e erva doce. A mesma erva doce que vi em tantos sítios por onde passei. A mesma, cujo perfume exalado pelo sol, ao lado de pessegueiros tombados com o peso de tantos frutos, me fez criar este doce. Conseguem imaginar? Os perfumes dos pêssegos maduros e da erva doce, entrelaçados no calor do ar de início de Setembro? Agora juntem-lhe aquele formigueiro que costuma antecipar todos os meus “quase” Outonos. Vozinha interna e cheia de manha que grita baixinho:
“Tempo de fazer doces”,
“Tempo de fazer doces”…

Obediente eu fiz. E guardei em frascos pequenos pedaços doces, aromáticos e sumarentos de sol, para darem gosto e calor, aos dias mais frios que estão mesmo quase a chegar.

In English
And now that the light of Autumn is already slowing down the glow of the golden season. I think it´s time to say that Summer was good to me. I´ve worked hard – and I have a lot more to come – but still I managed to return to my places, in the North and in the South. Time more than needed and wanted, with my loved ones. In between there were salty dives, hicking, the tasty softness of ripe blackberries, the intense perfume of the herbs and flowers on the paths and the bounty of fruits and vegetables that kept arriving at this house.

By now the last peaches are being harvested. Ripe and firm. Perfect for a jam imbued with cinnamon and ground fennel seeds. The same fennel I saw in so many of the places I´ve been. The same, whose perfume exhaled by the sun, alongside peach trees tumbled by the weight of so many fruits, made me crave and create this jam.
Can you imagine? The scents of the ripe peaches and the fennel, entwined in the hot air of early September? Now add it that tingling that usually anticipates all my “almost” Autumns. That internal and sly little voice that screams quietly:
“It´s time to make jams”,
“It´s time to make jams”…

Obediently, I did. So, I kept in jars little bits of sun, sweet, aromatic and juicy, to give taste and heat to the colder days that are just about to arrive.

 

Ingredientes:
1 kg de pêssegos sem casca e sem caroços (guarde os caroços) e cortados em padacinhos
2 colheres de chá de erva doce em pó
1 pau de canela
Sumo de 1 limão
200 ml de água
600 g de açúcar

Preparação:
*Para pelar os pêssegos, leve uma panela com água ao lume até ferver. Tire do lume e mergulhe os pêssegos na água bem quente por 3 minutos. A pele sairá facilmente.
*Leve os pêssegos com a água, o sumo do limão, os caroços, a canela e a erva doce ao lume e deixe cozer até que quase toda a água tenha evaporado, cerca de 20 minutos, vigiando e mexendo de vez em quando.
*Junte o açúcar, mexa bem e deixe ferver em lume forte por cerca de 15 minutos, até espessar, mexendo de vez em quando. Vigie para não queimar.
*Tire do lume, retire qualquer espuma que se tenha formado à superfície, retire também os caroços e o pau de canela e verta ainda quente em  frascos lavados e secos.
*Tape os frascos e deixe arrefecer um pouco.
*Coloque os frascos dentro de uma panela, cubra com água, (a totalidade dos frascos) e leve ao lume. Deixe ferver 5 minutos e tire do lume.
*Tire os frascos da água, desta forma o doce ficará bem conservado.
*Deixe arrefecer e guarde em local escuro, seco e fresco.
*Depois de abrir um frasco guarde-o no frio.

Ingredients:
1 kg of peaches, peeled and wihout stone (keep the stones for the jam) cut into pieces
2 tsp ground dill
1 cinnamon stick
Juice of 1 lemon
200 ml water
600 g caster sugar

Preparation:
*To peel the peaches bring a big pan of water to the boil. Remove from the heat and plunge the peaches into the hot water for 3 minutes. The peel will come out easily.
*Put the cut peaches, the water, lemon juice, the stones, cinnamon and ground dill seeds into a big,  heavy bottomed pan. Cook until there´s almost no liquid in the pan, about 20 minutes, stirring and watching every now and then.
*Stir in the sugar and cook in high heat for about 15 minutes, until it thickens, stirring every now and then. Keep a close watch to prevent from burning.
*Remove the jam from the heat. discard any foam floating in the surface, the stones and cinnamon stick.
*Pour the jam into clean, dry jars, while is still hot. Close the jars and let them cool a bit.
*To preserve the jam, put the jars inside a big pan and cover totally with water. Take to the heat and let it boil for 5 minutes. Remove the jars from the hot water. Let them cool completely and store in a dark, dry, fresh spot in your kitchen or pantry.
*Once you open a jar keep it in the fridge.

 

Advertisements

One thought on “Doce de pêssego com canela e erva doce # Peach jam with cinnamon and ground dill seeds

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s